Os Açores, Portugal e a União Europeia

16.00

Neste livro, João Bosco Mota Amaral reúne textos dispersos por diversos órgãos de imprensa regional e nacional, assumindo por vezes uma postura firme contra o estado a que chegou a União Europeia.
Em coerência com os seus ideais de Europeísta convicto, mas crítico de muitas das soluções alcançadas e mais ou menos impostas aos países membros da União, já expostos em publicações anteriores e presentes na sua atuação cívica, como responsável político e como governante, João Bosco Mota Amaral em “Os Açores, Portugal e a União Europeia” desafia os leitores para uma reflexão sobre os caminhos percorridos pelas sociedades europeias dos nossos dias, apontando erros manifestos, sugerindo vias alternativas e desafiando para, sempre que se mostre necessário, mudar de rumo.
Mota Amaral discorre ainda sobre questões da atualidade, no processo de integração em curso no espaço europeu, e o modo como as mesmas afetam os interesses açorianos e portugueses.

Autor: João Bosco Mota Amaral

Em estoque

Descrição

João Bosco Mota Amaral

Nascido na ilha de São Miguel, concluiu os estudos secundários, em 1960, no Liceu Antero de Quental, recebendo o Prémio Nacional, correspondente à mais alta classificação do ano lectivo em Portugal.

Licenciou-se em Direito, em 1965, na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa e concluiu, na mesma escola, com distinção, em 1966, o Curso Complementar de Ciências Político-Económicas, defendendo uma tese sobre o tema Responsabilidade Civil da Administração Pública.

Desde cedo iniciou colaboração na imprensa escrevendo sobre temas económicos, sociais e políticos. De 1965 a 1969 foi chefe de redacção da revista Rumo, de Lisboa. Colaborou também no vespertino micaelense Diário dos Açores.

A partir de 1967 exerceu advocacia em Lisboa, especializando-se em questões de direito administrativo e fiscal. A partir de 1975 transferiu o seu escritório de advogado para Ponta Delgada.

Entre 1969 a 1975 foi membro do Centro de Estudos Fiscais e participou, integrado na delegação portuguesa, nas negociações do Tratado de Comércio com a Espanha (1970) e em diversas reuniões do Grupo de Trabalho da OCDE sobre dupla tributação.

A convite do governo americano efectuou em 1972 uma visita de estudo aos Estados Unidos, onde pôde contactar directamente, pela primeira vez, as comunidades açorianas ali residentes.

Em 2019, lançou o livro “Os Açores, Portugal e a União Europeia” pela Letras Lavadas 

Informação adicional

Peso 0.346 kg
Dimensões 23 × 16 × 15 cm
ISBN

978-989-735-208-9

Edição

02 -ABR- 2019

Idioma

Português

N.º Páginas

224

Encadernação

Capa mole

Editora

Letras Lavadas