Conventos Franciscanos nos Açores do Século XXI: Memórias da Província de S. João Evangelista

26.00

Conventos Franciscanos nos Açores do Século XXI: Memórias da Província de S. João Evangelista

A edição do livro “Conventos Franciscanos nos Açores do Século XXI: Memórias da Província de S. João Evangelista” resulta do trabalho fotográfico realizado, entre 2017 e 2019, e surge da necessidade de um melhor conhecimento, em pleno século XXI, do atual estado de conservação e inserção urbanística dos antigos espaços conventuais franciscanos, originários da presença dos frades menores nas ilhas dos Açores, particularmente durante o período da Idade Moderna.

Em 2017 comemoraram-se os 70 anos das visitações empreendidas pelos frades franciscanos, Bartolomeu Ribeiro e Mário Branco, ao arquipélago dos Açores. Destas visitações resultou a edição de um conjunto de artigos de divulgação, da autoria de Bartolomeu Ribeiro, no jornal açoriano “Diário dos Açores” de setembro a dezembro de 1947 e, posteriormente, na “Coletânea de Estudos” [Missões Franciscanas] de 1949. Neste contexto, desafiamos um grupo de fotógrafos para que, sete décadas volvidas, percorressem o mesmo espaço geográfico, por estes frades palmilhado, captando, com as suas objetivas, os locais referenciados por frei Bartolomeu Ribeiro no seu artigo «Açores, arquipélago franciscano».

A presente obra é composta pela reedição do texto original de Bartolomeu Ribeiro acompanhado por um relevante acervo fotográfico, no qual se retrata o olhar contemporâneo sobre este conjunto de edifícios, que outrora foram espaços conventuais de origem franciscana.

Em stock

Descrição

Duarte Nuno Chaves (coordenação)

Natural da cidade do Funchal é Doutor em História da Arte pela Universidade de Évora, estando atualmente a desenvolver investigação de pós-doutoramento com o intuito de prosseguir e cimentar a investigação sobre o fenómeno do turismo cultural e religioso, e os impactos na memória identitária insular, nomeadamente nas manifestações de piedade popular, originárias do período de envangelização, protagonizadas por parte da Ordem de S. Francisco de Assis, nos séculos XVII a XIX, com reflexos na contemporaneidade nos arquipélagos dos Açores e da Madeira.

É investigador integrado do CHAM – Centro de Humanidades da Universidade dos Açores, onde participa e coordena vários projetos dedicados ao estudo do Património Cultural Imaterial, colaborando ainda com esta instituição universitária enquanto docente convidado, lecionando disciplinas nas áreas da Inventariação Museológica e Património Cultural, nas licenciaturas de História e Turismo.

Paralelamente é autor de várias publicações científicas, organiza projetos de Mediação Cultural e Educação Patrimonial, junto das escolas do ensino básico e secundário, sendo ainda de destacar a sua atividade enquanto consultor científico junto do Serviço dos Bens Culturais da Diocese de Angra e na Rede de Museus da Câmara Municipal da Ribeira Grande, S. Miguel, Açores.

Mais livros Letras Lavadas

 

Informação adicional

Peso 1.006 kg
Dimensões (C x L x A) 31.5 × 22.5 × 1.5 cm
ISBN

978-989-735-267-6

Edição

01 – SET – 2020

Idioma

Português

Encadernação

Capa dura

Páginas

114

Editora

Letras Lavadas