A Grande Guerra e os Açores – Da Estratégia Naval à Pneumónica

16.00

“A Grande Guerra e os Açores” analisa a relação do Atlântico, com particular ênfase nos Açores, no apoio logístico aos beligerantes, bem como as múltiplas dinâmicas envolvidas, sejam de natureza política, económica, ideológica ou geográfica. Procura também registar e valorizar os esforços individuais de vários protagonistas perante o impacto da gripe Pneumónica de 1918, bem como das entidades e nacionalidades envolvidas no enquadramento em que o arquipélago se verá envolvido até ao encerramento do Depósito de Concentrados Alemães na ilha Terceira e da base aeronaval norte-americana em Ponta Delgada, em 1919.
Autores: Ana Paula Pires, Rita Nunes e Sérgio Rezendes (coordenação)

Em estoque

Descrição

Autores “A Grande Guerra e os Açores – Da Estratégia Naval à Pneumónica”

“A Grande Guerra e os Açores” analisa a relação do Atlântico, com particular ênfase nos Açores, no apoio logístico aos beligerantes, bem como as múltiplas dinâmicas envolvidas, sejam de natureza política, económica, ideológica ou geográfica.

Ana Paula Pires

É doutorada em História Contemporânea pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (2010). Realizou investigação de pós-doutoramento na NOVA FCSH (2010-2016) e na Universidade de Stanford (2016-2018).
Venceu os Prémios da Associação Portuguesa de História Economica e Social, Alberto Sampaio e da Defesa Nacional.
É actualmente investigadora contratada da NOVA FCSH. É autora de diversos artigos com arbitragem científica, autora e coordenadora de livros. Das suas publicações mais recentes destacam-se: Mulheres e Eleições (Coord.), Almedina (2019), A Inserção Internacional das Pequenas Potências: Pequena Guerra Mundial (em co-autoria), Instituto da Defesa Nacional (2019) e A Grande Guerra no Parlamento (em co-autoria), Assembleia da República, (2018).
Ana Paula Pires é actualmente Research fellow no Instituto Remarque, da Universidade de Nova Iorque.

Rita Nunes

É investigadora integrada do Instituto de História Contemporânea da NOVA-FCSH e doutoranda em História Contemporânea. É mestre em Estudos Olímpicos pela Academia Olímpica Internacional e University of Peloponnese (Grécia) e licenciada em Ciências do Desporto – Gestão do Desporto pela Faculdade de Motricidade Humana da Universidade Técnica de Lisboa.
É atualmente Diretora do Departamento de Estudos e Projetos do Comité Olímpico de Portugal sendo responsável por diversas áreas como: o Programa de Educação Olímpica; o Arquivo Histórico; o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento Desportivo; os Prémios de Investigação em Ciências do Desporto, sendo ainda ponto de contacto no âmbito de várias candidaturas e projetos internacionais ERASMUS+ Sport e ERASMUS+ Youth.
É autora de diversos artigos com arbitragem científica e capítulos de livros entre os quais se destacam: Women Athletes in the Olympic Games, Journal of Human Sport and Exercise (2019); El Deporte y la Gran Guerra (1914-1919), Prohistoria, Rosário (2019); As Mulheres nos Jogos Olímpicos, Visão e Contextos (2018).

Sérgio Alberto Fontes Rezendes (coordenação)

É Licenciado em História e Ciências Sociais (Via Ensino); Mestre em Património, Museologia e Desenvolvimento e Doutor em História Insular e Atlântica (séculos XV-XX) pela Universidade dos Açores. Comissário de várias exposições, é assessor científico do Museu Militar dos Açores e investigador doutorado integrado do Instituto de História Contemporânea da Universidade Nova de Lisboa. Pelo despacho nº 1.311/2014, de 30 de julho de 2014 da S. R. da Educação e Cultura da R. A. A., foi nomeado vogal da Comissão Científica e Pedagógica responsável pelas orientações curriculares e metodológicas da Disciplina de História, Geografia e Cultura dos Açores e pelo despacho n.º30/SEADN/2014 da Defesa Nacional, membro da Comissão de Turismo Militar dos Açores.
Da vasta bibliografia produzida, destacam-se as duas edições da Grande Guerra nos Açores: Memória e Património Militar (Letras Lavadas, 2014; Caleidoscópio, 2016); Ponta Delgada, no Centenário de todas as Mudanças (CMPD, 2017); Receios, privações e miséria num ambiente de prevenção armada: a II Guerra Mundial nos Açores (Caleidoscópio, 2019) e o Depósito de Concentrados Alemães na ilha Terceira: a História de uma reclusão forçada (Caleidoscópio, 2019).

Informação adicional

Dimensões 23 × 16 × 1.2 cm
ISBN

978-989-735-229-4

Edição

1 – Out – 2019

Idioma

Português

N.º Páginas

264

Encadernação

Capa mole

Editora

Letras Lavadas